Home » Tópicos » Nefrologia » Cistite

Cistite

⋅ Atualizado em 07/04/2021

A cistite é um tipo de inflamação ou de infecção que ocorre no trato urinário, mais especificamente na bexiga. É comum em mulheres e provocada pela presença de bactérias, geralmente provenientes do intestino.

O que é cistite?

O intestino contém bactérias que contribuem para o processo de digestão dos alimentos. Quando restritas ali esses microrganismos não provocam qualquer tipo de problema para a saúde, mas isso pode acontecer quando elas migram para outras estruturas orgânicas.

Quando essas mesmas bactérias alcançam a uretra podem desencadear quadros inflamatórios e infecciosos. Eles têm início neste canal desencadeando a uretrite, mas as bactérias podem migrar também para a bexiga, nesse caso, provocam a cistite.

Sendo assim, cistite é o nome dado à inflamação ou ao processo infeccioso que atinge a bexiga. Geralmente ela é provocada pela bactéria Escherichia coli, mas outros micro-organismos também podem ser os causadores desse problema, e costumam ser provenientes do intestino.

Quais são os sintomas da cistite?

Os sintomas da cistite são fáceis de serem percebidos pelo paciente, afinal, eles provocam um grande desconforto, em especial na hora de urinar. Algumas manifestações que ocorrem em quadros inflamatórios e infecciosos como esse são:

  • dor ou ardência na hora de urinar;
  • necessidade urgente de ir ao banheiro;
  • aumento da frequência urinária;
  • dor na parte baixa do abdômen;
  • pode haver sangue na urina.

Como a cistite é tratada?

Como na maioria dos casos a cistite é provocada pela presença de bactérias intestinais na bexiga o tratamento mais utilizado é por meio de medicamentos antibióticos. Eles vão controlar a proliferação desses micro-organismos e conter a inflamação e infecção.

Para um tratamento ainda mais específico pode ser realizado um exame, que vai identificar qual é o tipo de bactéria que provocou a cistite, a chamada urocultura.

RELACIONADOS:

Quais são as complicações da cistite?

Como você viu, as bactérias que provocam a cistite chegam até a bexiga migrando pela uretra, mas elas podem continuar se espalhando pelo trato urinário, atingindo inclusive os rins. Portanto, quando não tratado esse quadro pode evoluir para uma pielonefrite, ou seja, uma inflamação ou infecção renal.

É possível prevenir a cistite?

A cistite pode ser prevenida facilmente começando pela manutenção da saúde em geral, acompanhando problemas sistêmicos e tratando outras condições que podem favorecer essa inflamação. Mas também é importante adotar cuidados específicos.

As mulheres estão mais propensas à cistite por causa da proximidade do ânus e da uretra. Sua anatomia favorece a migração das bactérias do intestino para o trato urinário, por isso, é fundamental que elas tenham um cuidado grande com a sua higiene.

A limpeza das partes íntimas deve ser realizada sempre da frente para trás. É muito importante urinar após as relações sexuais para que haja uma limpeza natural da uretra, eliminando possíveis bactérias dali.

Manter o organismo hidratado é mais uma medida preventiva. Isso porque beber bastante água ao longo do dia aumenta o volume de urina e a necessidade de micção, o que mantém a bexiga e a uretra limpas.

A cistite é um problema bastante comum, mas que requer atenção e o tratamento adequado para que não evolua para quadros mais graves. Como você viu, as bactérias podem atingir os rins e quando isso acontece o quadro se torna mais complicado.

SOBRE O(A) AUTOR(A)

Dra. Sara Mohrbacher CRM SP 146577, possui experiência na área de Clínica Médica, no manejo de pacientes que necessitam internação hospitalar, e nefrologia. Atuando principalmente nos seguintes temas: cuidados como um todo do paciente, interligando suas múltiplas patologias.

Últimos Posts

0 comentários
× Agende sua consulta.