Logo | Chocair Médicos

Entenda as principais causas da infecção urinária e como tratá-la

Atualizado em 03/08/2021
Tempo de leitura: 3 min.
A Imagem Mostra Uma Mulher, Do Peito À Canela, Com As Mãos Preensando O Local Da Vagina, Representando Uma Dor No Local.
Entenda As Principais Causas Da Infecção Urinária E Como Tratá-La 2

A infecção urinária é uma doença que pode atingir qualquer estrutura das vias urinárias, desde a uretra até os rins. É causada principalmente pela contaminação com a bactéria Escherichia coli, naturalmente encontrada no intestino.

Ardência ou dor na hora de urinar, sensação de bexiga cheia, mesmo tendo acabado de urinar. Esses são alguns sintomas da infecção urinária, uma doença que atinge o trato urinário e pode ter consequências severas.

Essa condição pode se desenvolver em qualquer pessoa, com qualquer idade, mesmo estando saudável e sem doenças crônicas. Na verdade, ocorre por causa da presença de bactérias no trato urinário, mesmo crianças podem desenvolver.

A infecção urinária, se não tratada, pode causar infecção generalizada, o que chamamos de sepse e até mesmo levar à morte se não tratada a tempo. Por isso, preparamos este artigo para que você entenda as causas desse problema e possa evitá-lo. Continue lendo e confira:

Qual a causa da infecção urinária?

No corpo humano existem diversos tipos de bactérias. Muitas delas são benéficas e ajudam a controlar o equilíbrio da nossa saúde, bem como atuam no funcionamento do organismo. O intestino é uma região onde são encontrados milhões desses micro-organismos, favorecendo os processos digestivos.

Pode haver uma contaminação por estas bactérias da região genital, favorecendo o aparecimento de infecções se isto acontece perto do orifício da nossa uretra (tubo de onde sai a nossa urina). A infecção por estas bactérias pode atingir todo nosso trato urinário atingindo, inclusive, os rins. A maioria dos casos dessa doença é causada pela bactéria Escherichia coli.

Como essa contaminação acontece?

Como explicamos, a infecção urinária ocorre por causa da migração de bactérias do intestino para a uretra. Essa contaminação pode acontecer por diversos fatores, como o contato de fezes com as genitais. Mulheres são mais propensas a esse problema por causa da anatomia do seu corpo.

O modo como é feita a higienização íntima após o uso do banheiro pode promover essa contaminação. Movimentos de trás para frente levam resíduos para a uretra e, junto com eles, as bactérias.

Outro risco para contaminação são as relações sexuais, principalmente se houver penetração anal e vaginal. Mas também pode acontecer a contaminação em pessoas que usam fraldas geriátricas. Muitas vezes, também, não encontramos o motivo da infecção, ela simplesmente ocorre. Ainda mais em pacientes que tem esta predisposição.

Existem também pacientes que convivem com bactérias em sua bexiga, sempre que colhem um exame de urina tem bactéria na urina, sem necessariamente isto significar infecção. Para ter infecção, é necessário ter sintomas. A presença de bactérias no exame de cultura de urina, sem causar sintomas é chamada de bacteriúria assintomática. Tema que abordaremos em breve.

Quais são os sintomas da infecção urinária?

Os sintomas de infecção urinária são muito característicos e fáceis de identificar. Eles iniciam com dores ao urinar e sensação de ardência. Também ocorre:

● sensação de bexiga cheia;
● dificuldade para urinar;
● redução do volume de urina;
● urgência para urinar;
● dores no baixo ventre;
● dores na lombar.

Os sintomas de infecção urinária podem se manifestar de forma gradativa, assim, iniciam com desconfortos leves e tendem a evoluir, caso o quadro não receba tratamento.

Como a infecção urinária é tratada?

Como a infecção urinária é provocada pela colonização de bactérias, o seu tratamento geralmente envolve a administração de medicamentos antibióticos. O médico também pode receitar analgésicos para minimizar os desconfortos causados pelas dores.

É recomendado, ainda, beber bastante água para contribuir com a limpeza natural do trato urinário. De toda forma, o tratamento deve ser personalizado e a paciente sempre deve ser avaliada por um médico, porque ainda existem outras condições que podem levar à manifestação semelhantes, como no caso de uretrites e migração de cálculos renais.

O médico poderá solicitar o exame de urina para investigar mais a fundo essa condição clínica. Isso em especial quando a pessoa também apresenta infecções urinárias recorrentes, pois a cultura de urina ajuda a identificar a bactéria causadora da infecção e a guiar o melhor tratamento.

O que acontece se a infecção não receber tratamento?

A infecção urinária pode ter consequências muito severas. Você viu que no início as bactérias se colonizam na uretra, mas quando a doença não é tratada no começo elas se espalham por todo o trato urinário, desencadeando infecções nos rins.

Quando o problema atinge aos rins os micro-organismos podem alcançar a corrente sanguínea, causando um quadro de sepse (infecção espalhada).

Nesse caso o indivíduo tem o risco de desenvolver uma infecção generalizada, ou seja, que vai atingir outros órgãos que estão saudáveis. Como consequência, há o risco de entrar em choque e vir a óbito, daí a importância de prevenir e tratar a infecção quando ela está no começo.

O ideal é cuidar muito bem da higiene íntima e adotar medidas preventivas para que a infecção urinária não aconteça. Porém, ao perceber os primeiros sintomas dela, é fundamental procurar um médico. Assim o tratamento será mais simples e em pouco tempo o equilíbrio da saúde é restabelecido.

SOBRE O(A) AUTOR(A)
Dra. Sara Mohrbacher CRM SP 146577, possui experiência na área de Clínica Médica, no manejo de pacientes que necessitam internação hospitalar, e nefrologia. Atuando principalmente nos seguintes temas: cuidados como um todo do paciente, interligando suas múltiplas patologias.
Saiba Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 | 13 / 10 / 21
Descubra se é mais vantajoso para o paciente com doença renal crônica continuar com as sessões de hemodiálise ou fazer o transplante de rim.
Ler Mais
 | 06 / 10 / 21
Você já precisou fazer um exame de creatinina? Entenda para que serve esse tipo de procedimento e qual é a importância dele.
Ler Mais
1 2 3 23
Receba as novidades
Inscreva-se ao lado e fique sabendo de novos conteúdos e informações úteis.
Logotipo | Chocair Médicos
(11) 3287-1010

Direitos reservados Clínica Chocair 2021 – Desenvolvido por Surya MKT