Logo | Chocair Médicos

Qual a quantidade de água que precisamos beber por dia? Descubra como definir!

Atualizado em 03/08/2021
Tempo de leitura: 3 min.
A Imagem Mostra A Ilustração De Um Copo Com Água.
Qual A Quantidade De Água Que Precisamos Beber Por Dia? Descubra Como Definir! 2

A quantidade de água que uma pessoa deve beber todos os dias varia dependendo de diversos fatores. Uma forma de calcular a quantia aproximada para você é por meio do seu peso corporal, sendo 35 ml por quilo.

Você já deve ter ouvido a recomendação de que todas as pessoas deveriam beber pelo menos 2 litros de água por dia, certo? Mas se considerarmos que cada um tem um volume corporal e estilo de vida diferente, será que essa regra ainda continua sendo válida?

É difícil estabelecer uma quantia exata justamente porque cada pessoa tem uma necessidade. Sendo assim, como saber a quantia de água que cada um precisa beber todos os dias? Preparamos este artigo para responder essa pergunta. Continue lendo!

As pessoas precisam da mesma quantidade de água?

As pessoas não são iguais. Elas têm tamanhos diferentes, estilos de vidas variados e estão sob condições distintas. É por isso que aquela velha regra de beber pelo menos 2 litros de água por dia, ou oito copos, não é muito válida atualmente.

Precisamos atender as necessidades do nosso organismo, o que é diferente para cada pessoa. Não podemos, por exemplo, oferecer 2 litros de água por dia para uma criança porque excede aquilo que o corpo dela precisa. Já para um adulto, dependendo das suas condições, essa quantia estaria adequada.

Isso significa que você pode precisar de mais ou menos do que 2 litros, e que cada um precisa fazer esse cálculo individualmente. Dessa forma, garantimos a boa hidratação do organismo sem exageros, porque até mesmo a água em excesso pode fazer mal, já que desequilibra a composição do sangue diminuindo, por exemplo, a concentração de sódio.

As pessoas precisam da mesma quantidade de água?

Bebendo muita água por dia colocamos o nosso organismo em condição de risco, inclusive de intoxicação por água. Você sabia que isso existe? Em contrapartida, se bebermos pouca água o organismo ficará desidratado podendo até lesar seus rins.

Logo, o ideal é fazer o cálculo de quanta água deve ser ingerida por dia levando em consideração também o estilo de vida e até mesmo a temperatura do ambiente. Isso, porque quando está muito quente a tendência é sentirmos mais sede do que nos dias frios.

Portanto, não existe uma quantidade exata e pré-definida para cada pessoa. De toda forma, podemos ter uma noção da necessidade do organismo calculando com base no peso corporal. É possível atender as necessidades do nosso corpo ingerindo em média 35 ml de água para cada quilo de peso.

Como saber se a quantidade está adequada?

Uma vez que não existe uma regra certa para calcular a quantidade de água que cada pessoa deve beber, podemos analisar os sinais que o nosso corpo emite. Um dos principais é analisar a tonalidade da urina.

Quando estamos bebendo água em quantidade suficiente, a urina é transparente ou amarelo claro. Agora, se ela estiver com uma tonalidade muito escura e com odor forte, quer dizer que estamos ingerindo menos líquido do que deveríamos.

Sentir a boca seca ao longo do dia também indica que o nosso corpo está ficando desidratado. Ele precisa de líquido para produzir a saliva e, se não consegue essa fonte, ela fica escassa e a boca resseca.

É certo esperar a sede para beber água?

A sede é o sinal que o nosso corpo emite quando está ficando desidratado. O ideal é beber água antes que isso aconteça, mantendo a hidratação do organismo para que ele não precise acender esse sinal de alerta.

Em nosso cérebro, temos um centro que faz a regulação da sede. Quando se inicia o processo de desidratação esse centro é ativado para indicar que precisamos ingerir um pouco de água. É por essa razão que devemos ter uma atenção redobrada com crianças e pessoas idosas.

Nesses dois grupos existe um prejuízo para esse centro regulador da sede. Nas crianças, ele ainda não está bem desenvolvido; nos idosos, o processo de envelhecimento pode deixar esse centro desregulado. Assim, não sentem sede e acabam esquecendo de beber água ao longo do dia.

O ideal é fazer com que a ingestão desse líquido se torne um hábito, tanto para as crianças e os idosos quanto para qualquer outra pessoa. Afinal, com a correria do dia a dia também podemos esquecer, sendo lembrados apenas pela sede, quando a desidratação já começou.

Sendo assim, mantenha sempre uma garrafa de água por perto para que ela esteja em fácil acesso e você faça a ingestão na quantidade adequada para o seu organismo. Também monitore a tonalidade da urina e capriche um pouco mais na quantidade em dias mais quentes e quanto fizer atividades físicas. Evite ingerir todo o conteúdo de água de uma única vez, tome de preferência a quantidade fracionada ao longo do dia. Em caso de dúvida, consulte o médico.

SOBRE O(A) AUTOR(A)
Dr. Victor Augusto Hamamoto Sato CRM SP 124682, possui título de especialista em nefrologia pela sociedade brasileira de nefrologia e é membro da Chocair Nefrologia e Clínica Médica do Hospital Alemão Oswaldo Cruz.
Saiba Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 | 15 / 09 / 21
Sabia que as mulheres que fazem hemodiálise também podem engravidar? Mas essa gestação envolve riscos, por isso, precisa ser bem planejada. Saiba mais sobre o assunto.
Ler Mais
 | 08 / 09 / 21
A infecção urinária tem tipos diferentes e sintomas característicos. Veja quais são os sinais que esse problema desencadeia e como é feito o tratamento dele.
Ler Mais
1 2 3 21
Receba as novidades
Inscreva-se ao lado e fique sabendo de novos conteúdos e informações úteis.
Logotipo | Chocair Médicos
(11) 3287-1010

Direitos reservados Clínica Chocair 2021 – Desenvolvido por Surya MKT